Intradebook realiza parceria em projeto internacional com agência da ONU

A empresa, que já tem atuação internacional ,aumenta a participação do Brasil no mercado exterior

No último mês, a startup catarinense Intradebook foi selecionada pelo International Trade Centre (ITC), agência da Organização das Nações Unidas (ONU), para auxiliar na internacionalização de micro e pequenas empresas de 164 países. A empresa, fundada em 2012 e acelerada pelo InovAtiva Brasil em 2014, surgiu para suprir a dificuldade que os empreendedores tinham a respeito das rotinas, mercados e logística de comércio exterior com o planejamento do software Intrade.

Desde então, a startup é responsável para contribuir com a execução de projetos como o Women Across Borders e o She Trades. O primeiro é realizado para capacitar cerca de 2300 mulheres empreendedoras no Quênia, Uganda e Tanzânia para negócios e o She Trades vem com o objetivo de capacitar e empoderar 800 mil mulheres para o comércio internacional, todas através da plataforma Intradebook. “O Brasil ganha força com a nossa internacionalização. Já temos diversos clientes espalhados pelo Peru, México, Índia, Argentina, Espanha. São mais de dez mil empresas cadastradas e hoje ajudamos a suprir a dificuldade que os empreendedores tinham’’, comenta o economista Alfredo Kleper Lavor, criador da startup.

Com a entrada dos projetos do ITC, a distribuição por países vai mudar e segundo Lavor, a Intradebook vai disponibilizar a plataforma para que divulgação junto às mulheres inseridas nos projetos aumente. No caso do Women Across Borders, a empresa vai desenvolver ainda uma versão da plataforma no idioma “swahili”, o qual é falado por 40 milhões de pessoas nos países onde o projeto está inserido.

Compartilhar