O mundo mudou, você sabia disso?

Produtos e serviços estão sendo virtualizados, os consumidores não querem mais acumular e compram apenas o que gera valor. As startups sabem disso, por isso elas estão mudando o mundo!

mundo

* Por Benício José Filho

Começo meus artigos para o InovAtiva ajudando os empreendedores a compreenderem o atual mundo em que vivemos. Bem, não sou psicólogo ou psicanalista, porém confesso que existem muitas pessoas vivendo em um mundo que não existe mais. Estas pessoas correm um sério risco de sofrerem de algum mal comportamental sem que saibam disso. Por que estou dizendo isso? Sou empresário de tecnologia há 20 anos e estudioso do mercado empreendedor com atenção especial ao mundo das Startups. Quando cinco anos atrás eu resolvi iniciar alguns estudos sobre este conceito de “Startups” confesso que quase nada conhecia.

Nesta jornada de estudos passei a compreender o modelo e a ser o que chamamos de evangelizador dos conceitos de Startups. Evangelizar nada mais é do que levar a boa nova. É essa boa nova que está transformando nosso mundo. Nossas relações com muitos dos produtos ou serviços que consumimos ou utilizamos está sendo drasticamente alterada. Meios de transporte, saúde e educação, mídias digitais, bancos ou ainda alimentação estão mudando completamente a forma como se relacionam conosco.

Hoje não queremos mais acumular nada, compramos apenas o que gera valor para nós. Valor é algo percebido, sentido, e não apenas mencionado em uma campanha publicitária. O que não faço experiência não é valor de fato. As startups sabem disso tudo e justamente por isso estão reinventando nossa relação com quase tudo. Não compraremos em breve como compramos hoje.

Nos EUA a Amazon e o Google já disponilizam nos lares americanos um equipamento que, através da voz, faz tudo para nós: liga a luz da sala, liga a cafeteira ou ainda faz as compras no Ecommerce. Comprar no modelo tradicional será coisa do passado em poucos anos. Imagine então aquele médico chato que nunca atende no horário e escreve de forma indecifrável? Algumas Startups começam a ter plataformas de agendamento de consultas em que você avalia justamente os quesitos que mais somos maltratados. Pontualidade, atenção e clareza. Realmente as Startups estão mudando o mundo! Carro então, porque você teria um se pode chamar quando precisar, não ter que dirigir ou ainda não pagar seguro, IPVA multa etc…? Isso já é realidade.

Nos EUA, 500 carros já operam de forma autônoma e estima-se que até 2030, 40% da frota seja desta forma. Está chegando enfim o tempo em que o consumidor será o protagonista. O melhor é que vivemos um momento único em nossa história. Um momento em que pequenas empresas, as tais Startups, podem destronar uma enorme corporação tendo como pilares o bom atendimento, o preço justo e a inovação. As grandes que se cuidem, pois hoje os pequenos desafiam qualquer corporação uma vez que o poder de compra está na mão de quem sempre deveria ter estado, o consumidor, que pode escolher entre quem mais oferece valor a ele. Para concluir os artigos, sempre irei deixar o link de duas Startups brasileiras que estão mudando nosso mundo. Naveguem, compartilhem e comentem.

Forte abraço a todos!

www.vegpet.com.br

Startup que está revolucionando a alimentação Pet no Brasil.

http://www.youzbilingue.com.br/

Veja as escolas regulares podem de fato ensinar inglês para nossos filhos.

“Formado em eletrônica, graduado em Teologia pela PUC SP, e com MBA pela FGV em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, atua no mercado a mais de 20 anos na área de tecnologia. CEO da empresa Ravel Tecnologia desenvolve a cinco anos atividades como mentor e investidor em Startups. Mentor pela Anjos do Brasil, Sebrae e Inovativa, tem em seu portfólio mais de 25 Startups em atividade. Apenas no ano de 2016, participou em cerca de 50 eventos nacionais e internacionais tendo atuado na mentoria e na avaliação de mais de 150 startups. Tem grande atuação na área de vendas, estratégia de negócios e desenvolvimento humano. Como mentor, participa a dois anos do Inovativa, maior programa de aceleração de Startups do Brasil. Atua como professor de empreendedorismo na Universidade Mauá em SCS e participa ativamente de ações e movimentos empreendedores no Brasil. É o atual presidente ITESCS (Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul), promovendo e fomentando a atividade tecnológica e ao empreendedorismo da região.”

Compartilhar