Posts

Entenda o papel das comunidades de startups no Brasil

Com o crescimento do número de startups criadas no Brasil, surgiram as Comunidades de Startups, ou seja, conglomerados desse tipo de empresa, de diferentes estágios, que integram todo o ecossistema, gerando oportunidades de desenvolvimento a todos os envolvidos

Segundo a Associação Brasileira de Startups (Abstartups), hoje existem 78 Comunidades de Startups, distribuídas pelos 27 estados brasileiros. Sete delas estão na região centro-oeste, 16 na região nordeste, 10 na região norte, 25 na região sudeste e 20 na região sul.

Elas ajudam a potencializar o desenvolvimento do local em que estão situadas, proporcionar networking entre empreendedores e conectá-los com importantes fomentadores do ecossistema, como fundos de investimento, grandes empresas, instituições de ensino, aceleradoras, incubadoras, entre outros.

Para que essas comunidades tenham sucesso, elas precisam ter apoio governamental, disponibilidade de capital, uma cultura empreendedora, suporte de mentores especializados, startups com desejo de se aprimorar e um mercado aberto a novas ideias.

Cada uma das comunidades conta com ao menos um protagonista mobilizado para movimentar diferentes grupos e contribuir com a evolução do ecossistema. Chamados de Líderes de Comunidade, eles disponibilizam algumas horas semanais para desenvolver trabalhos voluntários, como a realização de palestras e eventos.

O InovAtiva Brasil está selecionando os seus próximos Líderes de Comunidade. Eles ajudarão a divulgar o programa e incentivar startups a se inscreverem. Para saber mais sobre a atuação destes profissionais, acesse aqui.

InovAtiva Brasil está selecionando Líderes De Comunidade

O programa InovAtiva Brasil está em busca de pessoas que desejam fazer a diferença no ecossistema empreendedor do estado onde moram. Para isso, vai selecionar Líderes de Comunidade, analisando pessoas de todo o país.

Composto por três etapas (triagem, entrevista e divulgação dos escolhidos), o processo seletivo vai avaliar os inscritos com base na experiência e conhecimento que estes demonstrarem em relação ao universo das startups, motivações, entendimento, mapeamento e articulação no ecossistema local. Atividades ligadas ao empreendedorismo e empreendedorismo social serão grandes diferenciais.

Atuação do Líder de Comunidade

Serão selecionadas pessoas que estejam empenhadas em evoluir e liderar mudanças no ecossistema local em que estão inseridas. Elas vão trabalhar com as lacunas do seu estado, desenvolvendo e movimentando organizações, pessoas, empresas e governos que queiram fomentar o empreendedorismo e as startups regionais, com o apoio da rede do InovAtiva Brasil.

Os Líderes de Comunidades serão verdadeiros protagonistas estaduais mobilizados para movimentar diferentes grupos em prol de um ecossistema mais próspero. Caberá a eles disponibilizar duas horas semanais voluntariamente para realizar palestras, promover eventos, buscar oportunidades de conexão para startups e encontrar as melhores soluções para serem aceleradas pelo programa.

Para saber mais, acesse: https://www.inovativabrasil.com.br/representantes/

Brasil conta com 77 comunidades empreendedoras ativas

Segundo dados da Associação Brasileira de Startups (Abstartups), hoje existem 77 comunidades empreendedoras ativas no Brasil em diversos estágios de desenvolvimento. Elas estão divididas da seguinte maneira: nove na região norte, oito na região centro-oeste, 16 na região sul, 18 na região nordeste e 26 na região sudeste.

Os estados com o maior número de agrupamentos são: Minas Gerais (11 comunidades), São Paulo (10 comunidades) e Rio Grande do Sul (oito comunidades). Estes ecossistemas foram formados pela combinação de cultura, talento, acesso a mercado, acesso a capital, ambiente regulatório, suporte, conexão e atores que atuam com empreendedorismo, como startups, incubadoras, aceleradoras, investidores, programas e cursos especializados, entre outros.

Geralmente, esses aglomerados são criados por empreendedores com o intuito de fazer networking, trocar experiências e conhecimentos, criar parcerias e ajudar os demais startupeiros a superar desafios. De acordo com um levantamento feito com 1 mil startups pela Abstartups em conjunto com a Accenture, 73% das empresas entrevistadas se encontram dentro das maiores comunidades de startups do Brasil.

Sabendo a importância das comunidades para o fomento ao empreendedorismo brasileiro, o InovAtiva Brasil conta com 18 Líderes de Comunidade voluntários que acreditam na colaboração como ferramenta para promoção de novos negócios.

Eles disponibilizam duas horas semanais para realizar palestras em eventos e universidades, entrar em contato com executivos de grandes empresas, promover eventos para este mercado e encontrar as melhores startups para serem aceleradas pelo programa. Assim, conectam todo o ecossistema de inovação nacional.

Para saber mais, acesse: https://www.inovativabrasil.com.br/representantes/

Open InovAtiva reúne 184 participantes durante a Expotec em João Pessoa

Com objetivo de conectar agentes do ecossistema de startups a grandes organizações locais, nos dias 30, 31 de outubro e 01 de novembro participamos da 5ª edição da EXPOTEC – Exposição Científica, Tecnológica e Cultural – maior evento de tecnologia do Nordeste.

Organizada pelo Governo do Estado da Paraíba, ANID e parceiros como nós, do InovAtiva Brasil, a feira, reuniu diversos speakers da região para debater o tema “ A inteligência Artificial e o futuro do trabalho humano”. O evento teve como foco a promoção do desenvolvimento sustentável na Paraíba por meio da ciência, tecnologia e inovação.

Em um dos espaços da EXPOTEC, aconteceu simultaneamente o Open InovAtiva, que contou com 184 participantes entre empreendedores, empresários, investidores, mentores, líderes e agentes do programa e da região, para discutir sobre as tendências relacionadas aos programas de inovação abertos realizados por grandes empresas do Brasil e do Mundo que desejam inovar com o apoio das startups, de forma mais ágil e eficiente, conectando negócios.

Ainda durante a ocasião, a startup Incentiv.me, liderada por Douglas Nicolau, abordou a importância das grandes organizações utilizarem as leis de incentivo e trouxe insights relevantes para mostrar aos empreendedores como eles podem destinar parte dos seus impostos para a realização de programas de inovação aberta e investir em startups.

Construído em cima de três pilares essenciais para a evolução do ecossistema de startups – Inovação aberta, Abrangência e Tendência, nas próximas edições, queremos fomentar ainda mais a conexão entre essas pontas e disseminar o conceito de inovação e empreendedorismo por todo o país.

Fomentando o ecossistema de inovação e empreendedorismo, Líderes de Comunidade estão atuando no Brasil inteiro

Os Líderes de Comunidades, voluntários que atuam para fomentar o ecossistema de empreendedorismo brasileiro, têm a missão de buscar oportunidades de conexão para startups. No InovAtiva Brasil temos 18 pessoas que exercem esse papel, cada uma delas representando um estado diferente do país.

Ao todo, são três líderes na região Norte (Amazonas, Pará, Tocantins), seis na região Nordeste (Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe), dois na região Centro-Oeste (Goiás e Mato Grosso do Sul), quatro na região Sudeste (Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo) e três na região Sul (Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina).

Durante todo o ano eles organizam eventos, participam de feiras, compartilham experiências, colaboram para promoção de novos negócios e fomentam uma comunidade de empreendedores, mentores, investidores e grandes empresas interessadas em startups.

Fórum Abstartups de Líderes de Comunidade

Sabendo da importância dos Líderes de Comunidade para o ecossistema de empreendedorismo, nos dias 19 e 20 de setembro a Associação Brasileira de Startups (Abstartups) promoveu o “I Fórum Abstartups de Líderes de Comunidade (FALCOM)” no Google for Startups, em São Paulo.

Com o objetivo de fazer do Brasil um ambiente melhor e mais robusto para a criação de startup, o evento contou com 50 representantes de 24 estados do país. As comunidades do Pará e Rio Grande do Norte foram caracterizadas, respectivamente, por Bruna Barbosa e Monnaliza, Líderes de Comunidade do InovAtiva Brasil.

Para a líder do Pará, foi revigorante estar ao lado de outras pessoas que trabalham pesado com os mesmos objetivos. “A FALCOM abriu meus olhos sobre várias coisas que precisava avaliar em minha comunidade e sobre a relação com atores que nem sempre são fáceis de se criar relacionamento”, explicou Bruna.

Junto com Vinícius Aguiar, que faz parte da equipe do maior programa de aceleração de startups da América Latina, foram convidadas a participar de painéis, palestras, workshops e dinâmicas de grupo sobre as temáticas:

  • Diversidade nas Comunidades;
  • Indicadores Geográficos e Demográficos;
  • Eventos e ações locais;
  • Investimento;
  • Relacionamento com Poder Público;

Para agregar know-how e gerar insights aos líderes, tais atividades foram conduzidas por representantes de grandes organizações, como Facebook, Google, Ambev, Endeavor, Accenture, Globo News, Startupi, PEGN e Gama Academy.

inovativa@inovativabrasil.com.br