Posts

Inscreva-se para o InovAtiva Brasil 2020.2

Entre 29 de junho e 03 de agosto, soluções brasileiras inovadoras de qualquer segmento e região do país podem se inscrever gratuitamente para participar da próxima edição do InovAtiva Brasil – o maior programa de aceleração de startups da América Latina. 

O tema escolhido para representar o Ciclo 2020.2 do programa foi “Além do Vale do Silício: um Brasil que respira inovação”. A partir da análise da grandeza dos produtos e serviços oferecidos pelas startups nacionais, fica perceptível que o Vale do Silício pode até ser considerado o berço da tecnologia, mas o Brasil não fica para trás.

Afinal, segundo a Associação Brasileira de Startups, o país conta com um ecossistema formado por mais de 12 mil startups, 75 comunidades e centenas de agentes dispostos a contribuir com o empreendedorismo, como aceleradoras, investidores, grandes empresas e o governo. O InovAtiva Brasil faz parte desse cenário.

As empresas que se inscreverem no segundo ciclo de 2020 do Programa vão passar por uma rigorosa seleção e até 160 delas serão escolhidas para ter acesso, durante quatro meses, a um conteúdo online, que inclui mentorias, treinamentos, webinars e muito mais. Na banca final, terão seus pitches avaliados pelos jurados do programa.

As 12 startups que se destacarem nessa apresentação irão receber uma placa em reconhecimento à dedicação em realizar as atividades propostas pelo InovAtiva Brasil. Além disso, serão disponibilizados benefícios exclusivos para todos aqueles que cumprirem com o cronograma total de atividades oferecidas durante o ciclo.

E aí? O que está se esperando para se inscrever? Acesse https://www.inovativabrasil.com.br/ciclo20202/ e faça já o seu cadastro!

No ciclo 2020.2, InovAtiva Brasil mostra que o país respira inovação e seu empreendedorismo vai além do Vale do Silício

Com sete anos de existência, mais de 10 mil projetos submetidos, 1064 startups aceleradas e mais de 30 mil empreendedores impactados, o InovAtiva Brasil, maior programa de aceleração de startups da América Latina, chega a sua segunda edição de 2020.

De 29 de junho a 3 de agosto, startups de todo o Brasil, que atuam com qualquer segmento, poderão se inscrever para o ciclo 2020.2 pelo site do programa. Até 160 startups serão selecionadas para receber mentorias, fazer treinamentos de pitches e se apresentar para a maior banca de investidores, grandes empresas e parceiros do país.

Nesta edição, o programa terá como tema “Além do Vale do Silício: um Brasil que respira inovação” e pretende mostrar como as 75 comunidades de startups existentes no país promovem um lugar favorável para o desenvolvimento de novas tecnologias e soluções para problemas nacionais.

Em meio a mais de 12 mil startups, segundo a Associação Brasileira de Startups (Abstartups), 13 negócios unicórnios e milhares de pessoas comprometidas em entregar produtos e serviços com soluções eficientes, o InovAtiva Brasil se revela como uma importante ferramenta para a construção de um país onde o empreendedorismo tem papel fundamental para a sociedade e economia. 

Até o momento, o programa já realizou mais de 80 eventos e treinou cerca de 2 mil startups para conexão com seus públicos de interesse. Para saber mais sobre a oportunidade de participar do InovAtiva Brasil 2020.2, fique atento ao nosso site: https://www.inovativabrasil.com.br/ciclo20202/

Webinar debate saúde mental em tempos de isolamento social

Chegamos ao 6º webinar da série sobre a influência da Covid-19 no empreendedorismo. No dia 7 de maio, Felipe Faria, fundador e CEO da Moodar, e Diogo Lara, diretor e co-fundador da Cíngulo, foram convidados a debater sobre a importância de cuidar da saúde mental em tempos de isolamento social.

Com intermédio do Líder da Comunidade de Amazonas, Yan Fontão, os empreendedores comentaram, durante 45 minutos, sobre suas experiências na área de negócios, no mercado de saúde emocional e falaram sobre a importância do uso de tecnologias no segmento para pessoas e empresas, além de tirarem dúvidas dos participantes.

Os especialistas também foram questionados sobre como manter saúde mental em tempos de pandemia mundial e fatores econômicos, assim como sobre o impacto da crise do coronavírus nos empreendedores e na população em geral. Também foram abordados pontos sensíveis, como quais fatores mais têm afetado os indivíduos durante a quarentena e suas consequências; de que forma a tecnologia e suas startups podem auxiliar nesse momento tão difícil; e quais providências as pessoas podem tomar para evitar problemas emocionais e psicológicos.

Caso não tenha tido oportunidade de assistir ou queira rever o bate-papo, acesse o vídeo que disponibilizamos no Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=CYuXp964FUU.

Programa InovAtiva de Impacto está com inscrições abertas para o ciclo 2020 de aceleração

Você, empreendedor que tem um negócio de impacto socioambiental, não pode ficar fora do próximo ciclo de aceleração do InovAtiva de Impacto. Coordenado pela Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, do Ministério da Economia, e pelo Sebrae, o InovAtiva de Impacto é uma vertente diferenciada do Programa InovAtiva Brasil e tem como objetivo apoiar negócios com propósito de criar iniciativas de âmbito social e/ou ambiental.

O programa acontece anualmente e tem duração de cinco meses. Os interessados podem se inscrever para o Ciclo 2020 de Aceleração até 1º de junho no site do InovAtiva Brasil. Para participar, as startups precisam estar formalizadas como empresas, possuir base tecnológica ou um modelo de negócios inovador, ter como missão gerar impacto social ou ambiental positivo e contar com alto potencial de escalabilidade.

Seleção

No dia 22 de junho será anunciado, no site do programa, as 40 startups que receberão gratuitamente e de forma totalmente online, cursos de capacitação, mentorias individuais e coletivas, além de um treinamento de simulação de pitch (discurso feito a investidores). A escolha dessas soluções será realizada por uma rede de avaliadores qualificados para analisar os projetos submetidos com base em cinco critérios: Grau de Inovação, Potencial de Mercado, Maturidade da Solução, Equipe e Tese de Mudança. 

Ao final do ciclo, conforme o desenvolvimento durante o programa, 20 startups serão convidadas a participar do InovAtiva Experience, evento de conexão com organizações e empresas, em que se apresentam para uma banca de investidores e representantes de aceleradoras e de outras instituições ligadas ao tema.

E aí, está esperando o que para fazer parte desse ecossistema?

137 startups são aprovadas para participar do InovAtiva Brasil 2020.1

Dentre as 694 inscrições realizadas por startups dos 27 estados brasileiros, o Programa de Aceleração InovAtiva Brasil selecionou 137 delas para participar do ciclo 2020.1. Elas são de 21 estados e estão localizadas, principalmente, nas regiões sul (38,7%) e sudeste (38%) do país.

Com faturamento anual bruto de até R$ 50 mil (40,9%), essas empresas atuam com modelo de negócio SaaS (44,5%) no ramo de serviços (13%). Elas possuem de um a quatro colaboradores fulltime (62,8%) e 73 delas já receberam aportes financeiros, oriundos, principalmente, de Investidores Anjos (53,7%).

No entanto, as startups ainda não tiveram oportunidade de se aproximar de nenhuma grande empresa (48,9%), nem passaram por programas de aceleração (64,2%) e não contam com negócios no exterior (89,8%), mas durante o ciclo do InovAtiva Brasil receberão informação e incentivo para mudar esse cenário.

Comparativo com o primeiro ciclo de 2019

Tanto no ciclo 2019.1 como no 2020.1, o estado com o maior número de startups selecionadas para participar do programa foi São Paulo, com 16 soluções no último ano e 35 este ano. E, assim como a região paulista, dois outros estados apresentaram grande crescimento no número de selecionadas: Santa Catarina (que foi de oito para 21) e Bahia (que passou de uma para cinco startups).

Além disso, neste ciclo a região sul ultrapassou a região sudeste em quantidade de selecionadas. A participação de startups do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande subiu de 35 para 38,7%. 

Para saber mais informações sobre as startups selecionadas para compor o time de aceleradas InovAtiva Brasil, acesse: https://www.inovativabrasil.com.br/perfil-inscritos-aprovados/

“Home Office e Gestão de Equipes” é o tema do quarto webinar especial de coronavírus do InovAtiva Brasil

Antes de surgir a pandemia e as pessoas serem orientadas a trabalhar de casa, você já tinha imaginado o quanto é difícil gerir uma equipe? No nosso quarto webinar da série sobre coronavírus, convidamos Juliemar Berri, Gestor de Plataformas na Resultados Digitais, e Tatiana Santarelli, CEO da TeamHub e Fundadora da Agente Inovação Colaborativa, para debater sobre Home Office e Gestão de Equipes.

Para começar, os convidados contaram um pouco sobre suas experiências. Nos últimos 10 anos, Berri construiu equipes de engenharia eficazes e agora está liderando equipes remotas distribuídas. Enquanto isso, Tatiana contou que nos seus 18 anos de experiência em Gestão de Pessoas, atuou com foco em jornadas de aprendizagem e desenvolvimento de líderes e times.

Sob intermédio de Matheus Araújo, Líder de Comunidade do InovAtiva em Natal, Rio Grande do Norte, ambos responderam perguntas sobre o cenário atual e perspectivas para o futuro. Além disso, deram dicas para otimizar o trabalho home office e ajudar os trabalhadores na conciliação entre as tarefas empresariais e os deveres domésticos.

Aos gestores de empresas, os convidados orientaram o que é preciso fazer para manter suas equipes motivadas e dispostas a melhorar sua produtividade mesmo com notícias muitas vezes negativas. Também comentaram como fazer para se organizar trabalhando em casa, utilizando o relógio como aliado.

Já no final, o público foi convidado a esclarecer dúvidas sobre o dia a dia nas empresas onde trabalham e sobre os assuntos tratados na apresentação. Aos ouvintes, o conteúdo foi muito importante e os conselhos logo serão colocados em prática. 

Se você ficou curioso e quer saber mais sobre o trabalho home office, acesse: https://www.youtube.com/watch?v=i3Y6cwPUc3o

Saiba como continuar vendendo mesmo em período de isolamento

Para falar sobre “Processo de vendas em período de isolamento”, no dia 16 de abril, os empreendedores João Mateus Rosa, Gerente de Vendas na Exact Sales, e Karina Lima, Vice-Presidente de Vendas da Salesforce, foram convidados a participar do terceiro webinar do InovAtiva Brasil focado em soluções para o período de contenção do novo coronavírus.

Durante a conversa, os convidados falaram sobre a relevância da ferramenta de CRM (Customer Relationship Management ou Gestão de Relacionamento com o Cliente) no processo de vendas, o perfil do Profissional de Inside Sales e deram orientações sobre como deve ser feita a implementação desta área nas startups. Além disso, destacaram os processos de Pipeline, Customer Success e Funil de Vendas.

Respondendo à pergunta da mediadora Morganna Tito, Líder de Comunidade da Paraíba, sobre o melhor momento para criar a área de sales na startup, Karina afirmou que este campo deve estar presente desde a construção do negócio. Discorrendo sobre o assunto, a startupeira também falou sobre a importância de colocar o cliente no centro do processo de desenvolvimento da empresa e a necessidade de possuir uma estratégia de controle de vendas.

“O cliente é um parceiro da empresa. O sucesso dele é importante para retroalimentar todas as áreas da startup, por isso eles precisam se sentir amparados e se manter próximos da empresa”, comentou Rosa em complemento a resposta da empreendedora.

Para finalizar, os empreendedores debateram sobre os impactos da pandemia no negócio de vendas. “Aproveitem esse momento, estimulem a equipe de vendas a aprender sobre seus produtos, sobre seus clientes, sobre os seus negócios. Esse é o momento de eles se prepararem para quando tudo voltar a normalidade”, concluiu Karina.

Se você não conseguiu assistir ou quer rever algum ponto importante deste bate-papo, acesse o vídeo que disponibilizamos no Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=Cf-AWp2uWlk

Prontlife ajuda no combate ao Covid-19 por meio de autoavaliação de pacientes

Acelerada em 2016 pelo programa de aceleração InovAtiva Brasil, a Prontlife lançou um aplicativo para o diagnóstico do novo coronavírus. Nessa ferramenta, o paciente atualiza com seus sintomas e a plataforma indica o que ele deve fazer com base nos protocolos da doença e em seu prontuário médico. Tudo isso numa nuvem segura, compartilhada com sua equipe médica credenciada.

“Na autoavaliação do novo coronavírus pedimos para o paciente informar todos os seus sintomas, sinais de alarme (Snomed), se é do grupo de risco (CID-10), suas medidas (pressão arterial, temperatura, peso, altura, entre outras), geolocalização, sexo, idade e tipo sanguíneo. A partir destas informações, um algoritmo de risco presente na plataforma, baseado no Ministério da Saúde, orienta sobre o que o paciente deve fazer e o coloca em contato com a Central de Saúde para que ele tire suas dúvidas”, explica Assis.

A ProntLife é a desenvolvedora de um Prontuário Eletrônico Inteligente que, com protocolos clínicos customizáveis, integra profissionais de saúde e pacientes em uma única plataforma. Com a ferramenta é possível acompanhar o histórico clínico de uma pessoa, desde doenças já contraídas, alergias apresentadas e exames, até as vacinas tomadas e consultas realizadas.

“A estruturação do ProntLife permite uma análise estratégica de dados (Analytics) e interoperabilidade. A partir do histórico de saúde, temos dados clínicos de doenças (CID-10), queixas (CIAP-2), medicamentos (Anvisa), Procedimentos e Exames (TUSS e LOINC), sinais vitais e queixas (Snomed CT)”, afirma André Assis, médico, sócio-fundador e CEO da ProntLife.

Como todas as informações coletadas ficam armazenadas no banco de dados da ferramenta, a ProntLife também consegue fornecer gráficos relativos às doenças mais comuns entre os pacientes que utilizam a plataforma, locais com o maior índice de enfermidades, entre outros elementos que podem auxiliar a monitorar o sistema de saúde brasileiro com mais facilidade.

InovAtiva Brasil oferece atividades onlines e gratuitas para empreendedores durante o período de pandemia

Para continuar fortalecendo o ecossistema de inovação brasileiro no cenário nacional de Covid-19, o InovAtiva, maior programa de aceleração de startups da América Latina, oferece cursos, ebooks, webinars e mentorias com especialistas do mercado para ajudar no desenvolvimento dos empreendedores de forma online e gratuita.

Essas atividades contribuem para o constante aprendizado dos startupeiros mesmo dentro de casa. Como o intuito é abranger todas as fases de desenvolvimento dos negócios, foram disponibilizados conteúdos que vão desde a preparação de um pitch até negociação e investimento.

Aprimoramento da startup

Com o objetivo de contribuir com as empresas que ainda estão em período de tração, o InovAtiva separou quatro e-books que podem ajudá-las a preparar a apresentação que irão fazer a investidores, clientes e parceiros entender como funciona o processo de mentoria e definir seu modelo de negócio:

Acesso ao mercado de investimentos

Pensando nas startups que já têm o seu modelo de negócios bem definido e agora buscam conquistar investidores e receber aportes financeiros, criamos seis cursos sobre modelagem financeira, acesso a capital, finanças sociais, entre outros:

Este curso visa instrumentalizar e sensibilizar empreendedores de impacto social;

Por meio de relatos de empreendedores experientes, traz questões práticas referentes ao registro de marca e depósito de patentes;

Instrui sobre as fontes de recursos financeiras disponíveis à uma startup, o momento certo para receber um aporte e ainda ensina a negociar com investidores;

Neste curso será explicada a importância de unir o marketing digital às vendas físicas para montar a máquina de vendas de uma startup;

Este conteúdo foi pensado para quem deseja ter uma interação assertiva com investidores, por isso trata sobre estimativa de receitas, custos e investimentos, projeção do fluxo de caixa e valor de mercado da empresa;

Elaborado para que o empreendedor aprofunde seu conhecimento sobre clientes, problemas que a empresa resolve e entrega de valor da solução.

 

Aprendizado por meio de exemplos

Nos webinars criados pelo InovAtiva, os empreendedores terão a oportunidade de realizar mentorias coletivas, mentorias abertas, treinamento de pitch e acompanhar entrevistas com startups que já foram aceleradas pelo programa:

Além da entrevista com a startup Feedz e Bret Waters (Stanford), o vídeo conta com treinamento de Pitch, mentoria aberta realizada por Carlos Altafini e conteúdo sobre negociação e investimento;

Esta playlist tem entrevistas com startups como Warren, Solides, Justto e PackID e ainda apresenta os conceitos de Inteligência Artificial em Startups de Impacto, LGPD em Startups, Comunidades de Startups, entre outros;

Por meio de uma conversa descontraída com as startups Signa e Herself, o webinar trata sobre o mercado de impacto;

As startups que sonham em se tornar um unicórnio podem entender como o Groupon e a Gympass fizeram para alcançar o valuation de US$ 1 bilhão e ainda ter uma sessão de mentoria aberta com este vídeo;

Durante os ciclos do programa InovAtiva Brasil, as aceleradas recebem mentorias coletivas, com um espaço exclusivo ao final da apresentação em que podem tirar dúvidas e fazer perguntas diretamente ao mentor. Neste webinar é possível entender como é esse processo;

Neste vídeo, as startups Biosolvit e Conpass contam como é participar de um programa de aceleração de startups e o benefício deste para as empresas.

InovAtiva Brasil recebe inscrições de todos os estados brasileiros para o Ciclo 2020.1

O InovAtiva Brasil recebeu inscrições de startups de todos os estados do país para o primeiro ciclo de 2020. Ao todo, 694 negócios se mostraram interessados em participar do programa, sendo 276 da região sudeste (40%), 218 da região sul (31%), 114 da região nordeste (16%), 48 da região centro-oeste (7%) e 38 da região norte (5%).

Divididas em mais de 25 ramos, elas atuam, principalmente, com serviços (14%), educação (9%) e saúde (8%). Voltadas para o público B2B (46%), possuem modelo de negócio SaaS (27%) ou marketplace (25%) e já conquistaram os primeiros clientes/usuários (77%).

Fundadas entre 2018 e 2019 (70%), essas empresas têm registro de patente tecnológica (84%), mas sua solução ainda está em fase de teste (32%). Como suas equipes são formadas apenas pelos sócios (57%), as startups ainda não se consideram bem estruturadas (70%), por isso estão formalizando seus processos internos, como os departamentos de compras, finanças, comercial e recursos humanos.

Com faturamento de até R$ 10 mil nos últimos 12 meses (57%), as inscritas ainda não captaram nenhum tipo de investimento (84%) nem passaram por processos de aceleração (79%), incubação ou outros programas para startups (67%). Por isso, com o InovAtiva Brasil, desejam encontrar oportunidades de aportes financeiros (30%), mentoria especializada (28%) e conexão com grandes empresas (26%).

Se você se inscreveu no InovAtiva Brasil, fique atento ao nosso site que, em breve, divulgaremos as selecionadas para o ciclo 2020.1. Caso não tenha conseguido se candidatar, não se preocupe! Vamos abrir inscrições para o InovAtiva de Impacto e para o ciclo 2020.2 nos próximos meses.

inovativa@inovativabrasil.com.br