Posts

Ferramentas que ajudam a deixar o nosso dia a dia mais sustentável

Quando falamos em sustentabilidade, nos referimos a preservação de recursos naturais para a conservação do planeta. Para ajudar as pessoas a incluir esse conceito em suas rotinas diárias, startups desenvolveram negócios em pról do meio ambiente. Listamos algumas delas, criadas por empreendedores que passaram pelo InovAtiva Brasil ou InovAtiva de Impacto. Confira quais são essas soluções e aprenda a deixar seu dia-a-dia mais sustentável:

Plataforma de caronas solidária

O Zumpy é um aplicativo que permite que os seus usuários peguem caronas de forma prática e segura. A plataforma conta com um algoritmo que realiza um cruzamento de rotas para buscar os usuários que irão para destinos compatíveis. Esses percursos são agendados e podem ser acompanhados pela ferramenta em tempo real. Além do passageiro ter a possibilidade de se deslocar com conforto, ele ajuda a diminuir a quantidade de CO² emitida naquele trajeto e pode verificar a quantidade que deixou de gerar do gás ao final de cada viagem.

Agricultura de alta performance

A BioClone oferece ao mercado do agronegócio mundial mudas clonadas de mamoeiro hermafrodita. Atualmente, esse produto é escasso, mas possui alto valor genético e fitossanitário, além de contribuir para uma agricultura sustentável e de alta performance. Ele proporciona ao fruticultor a eliminação da técnica da sexagem, diminuindo consideravelmente os custos de produção e aumentando a produtividade e qualidade.

Controle de energia fotovoltaica

O CoESo é um equipamento de fabricação nacional, com inteligência no consumo da energia, registro de histórico de dados e comunicação com servidor remoto. Por meio dele, é possível otimizar a geração e uso da energia, aproveitando ao máximo os recursos naturais.

Filamentos sustentáveis

A PrintGreen3D cria e comercializa filamentos sustentáveis que utilizam o plástico reciclado como matéria prima. Ela atua desenvolvendo produtos inovadores, comercializando equipamentos, peças e acessórios para impressoras 3D e objetos fabricados com suas impressoras, além de oferecer impressão de objetos por encomenda. A startup ajuda a diminuir a quantidade de lixo plástico, tornar mais acessível a tecnologia de impressão 3D e a popularizar o consumo de produtos sustentáveis; (vi) agregação de valor ao produto final.

Cultivo de hortaliças e temperos dentro do lar

O Plantário é um eletrodoméstico que permite a criação de hortas em qualquer lugar dentro de casa. Assim, as procedências dos vegetais são certeiras e o desperdício alimentício é reduzido em 30%.

Compartilhamento de créditos de energia limpa

A Enercred é uma plataforma digital em que o usuário se cadastra e participa de uma cooperativa de consumidores de energia. Mediante disponibilidade de capacidade de geração, ele assina um contrato de locação de um percentual da usina e recebe créditos que se transformam em desconto na sua conta de luz. Assim, a mensalidade que ele paga é menor, fazendo com que o cliente economize e ajude o meio ambiente já no primeiro mês.

Prevenção ao desperdício de alimentos orgânicos

A Ubaia desenvolveu um aplicativo para conectar o consumidor ao pequeno produtor rural e ajudar a prevenir o desperdício de alimentos orgânicos. Por meio deste, a startup ensina os consumidores a guardar corretamente cada produto e, assim, evita que estes estraguem e sejam jogados fora.

Bloco com inteligência construtiva

A SoloPlásticos é a desenvolvedora de um bloco para construção ultra resistente que permite levantar as paredes de uma casa de 60m2 em apenas dois dias, com dois profissionais e nenhuma ferramenta. Esses blocos não precisam de acabamento (reboco, pintura, gesso), material (cimento, água, areia, cola) nem revestimentos. Além disso, são impermeáveis e não geram nenhum tipo de resíduo por serem extremamente resistentes.

Negócios de impacto social e ambiental são selecionados para participar do InovAtiva Experience

O programa InovAtiva de Impacto, criado em 2016 para fomentar o ecossistema dos negócios de impacto social e ambiental no país, ofereceu, entre os meses de julho e outubro, oito mentorias individuais e 14 coletivas com executivos de grandes empresas e investidores para 36 startups especializadas no tema.

Agora, após uma rigorosa avaliação destas empresas durante o período de capacitação, o programa selecionou 20 startups para participar do InovAtiva Experience, evento presencial que marca o fim do ciclo de aceleração do InovAtiva de Impacto. Nos dias 30 de novembro e 01 de dezembro, os empreendedores são preparados para a conexão com investidores, clientes e parceiros, que acontecerá no dia 02 de dezembro.

Startups selecionadas

Provenientes, principalmente da região sudeste do país (55%), as startups selecionadas para a segunda etapa do InovAtiva de Impacto atuam com saúde e bem-estar; indústria e inovação; habitação e comunidades sustentáveis; consumo e cultura; entre outros. São elas:

  • 5RS Reciclagem De Vidros Ltda – atua no ramo de reciclagem de vidros a fim de colaborar com o desenvolvimento socioambiental, criar tecnologias e oportunidades de trabalho;
  • Cangame – conjunto de ferramentas de apoio aos pais, médicos, educadores que tratam do autismo e empresas que oferecem o emprego apoiado, proporcionando uma maneira divertida de realizar as atividades do cotidiano e com maior autonomia social;
  • Cognisigns – Bio Data, Knowledge & Health – auxilia no diagnóstico clínico do Transtorno do Espectro Autista (TEA) por meio de uma solução que combina hardware e software para criar sensores não invasivos que identificam respostas comportamentais e fisiológicas em crianças enquanto elas são expostas a estímulos sensoriais;
  • Coletando Soluções – criadora de um método de economia colaborativa que entrega a mais alta eficiência e performance para o ciclo reverso que hoje é um grande problema para o poder público e para as grandes corporações;
  • Cycor Cibernética – desenvolve e distribui tecnologias de reabilitação implantáveis e não implantáveis (próteses), tanto para pessoas que já foram amputadas, quanto para evitar amputações;
  • Drops Of Amazon – fornece água fresca aos ribeirinhos e protege a ecologia de toda a bacia amazônica. A startup também comercializa produtos artesanais para aumentar a conscientização sobre essa situação;
  • Eco Panplas – realiza a reciclagem de embalagens plásticas pós consumo por meio da descontaminação de forma ecológica, sem utilização de água, sem geração de resíduos e com rastreabilidade, resultando em benefícios socioambientais de impacto;
  • net – oferece uma ferramenta completa e gratuita para recrutamento, seleção e networking, integrada a uma plataforma de conteúdos e soluções digitais;
  • Firgun – facilita o acesso de empreendedores (que estejam em alguma situação de vulnerabilidade social) a microcrédito por meio de uma plataforma de financiamento coletivo;
  • Heide Extratos Vegetais – produz extratos vegetais para alimentos funcionais, bebidas e cosméticos, realiza pesquisa e desenvolvimento de insumos alimentícios, farmacêuticos e veterinários e faz consultoria para a área de agronegócio;
  • Isobloco – agrega salubridade às habitações por contar com resíduos 100% reutilizáveis produzidos em fábricas de pequeno porte com localização próxima ao mercado consumidor, reduzindo custos e tempos de logística;
  • Kunla – conecta vagas de empregos operacionais com agentes recrutadoras independentes que passam a buscar candidatos aderentes aos requisitos necessários à vaga;
  • Lemobs – desenvolve e fornece as mais inovadoras e estáveis tecnologias para facilitar o trabalho de dirigentes públicos e privados, como big data, gestão urbana, suporte a decisões e automação de processos;
  • meuResiduo – fornece uma plataforma integrada (web e mobile) de apoio no gerenciamento de resíduos, coleta com a opção de registro fotográfico, transporte, organização de rotas, armazenamento, mapeamento e geolocalização dos locais de coleta e destinação final;
  • Presente Solidário – ajuda quem quer substituir presentes, brindes ou ingressos por doações para projetos sociais em qualquer ocasião, de maneira 100% digital, prática e transparente;
  • Pulsares – usa tecnologia para criar soluções que facilitam o trabalho de profissionais da saúde ao mesmo tempo que ajudam as pessoas a compreender seu quadro clínico e tratamento;
  • Recicli – utiliza produtos e matérias primas obtidos de metais, plásticos, vidros, borracha, eletrodomésticos, para produzir energia limpa e itens para construção e obra, calçamento e pavimentação, fertilização orgânica, insumos para escritório, dentre outros;
  • Sintecsys – possibilita monitoramento online para detecção de focos de incêndio de forma automática, rápida e eficaz, reduzindo perdas e custos com brigadas de incêndios;
  • Unistay – ajuda o universitário a buscar moradia compartilhada;
  • Vg Resíduos – possibilita a Gestão de Resíduos completa, da geração até a destinação final.

Sobre o InovAtiva de Impacto

O InovAtiva de Impacto é uma vertente diferenciada do Programa InovAtiva Brasil, voltada para o tema impacto social e ambiental. Mais de 1000 startups se inscreveram no programa e mais de 80 startups participaram do InovAtiva de Impacto desde 2016. No próximo desafio, serão selecionadas 40 startups com potencial para geração ou que tenham em sua constituição o impacto social ou ambiental como foco. As startups selecionadas fazem cursos, recebem mentoria especializada e, destas, 20 se apresentam para uma banca de investidores e representantes de aceleradoras e de outras instituições ligadas ao tema.

Perfil das aprovadas para InovAtiva de Impacto 2019

Entre abril e maio, estiveram abertas as inscrições para o programa InovAtiva de Impacto. Ao todo, tivemos 261 inscrições completas. Destas, foram selecionadas 36 startups para participar do ciclo de 2019. Elas estão concentradas, majoritariamente, nos estados de São Paulo (25%) e Santa Catarina (14%). As demais são do Rio de Janeiro, Paraná, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Ceará.

Essas empresas estão são focadas no setor B2B (42,9%) e atuam, principalmente, com saúde e bem-estar (19,44%); crescimento econômico (16,67%); cidadania (13,89%) e consumo, cultura, lazer e produção responsável (11,11%).

Com faturamento de até R$ 50 mil (51,43%) e passagem por aceleradoras (58,3%), essas empresas estão desenvolvendo projetos de impacto há, pelo menos, um ano (82,9%). Além disso, as startups utilizam métricas de impacto social ou ambiental (55,83%) sobretudo para o controle dos beneficiários diretos e indiretos.

InovAtiva de Impacto

Criado em 2016 para fomentar o ecossistema dos negócios de impacto social e ambiental no país, o InovAtiva de Impacto é destinado a negócios inovadores que possuam o potencial de gerar lucro e, ao mesmo tempo, resolvam um problema social ou ambiental. Para participar, as startups precisam ser formalizadas como empresas, ter base tecnológica ou um modelo inovador, ter como missão gerar impacto social ou ambiental positivo e possuir alto potencial de escalabilidade.

Com o objetivo de preparar as startups para se conectarem com investidores, grandes empresas e outros especialistas do ecossistema de empreendedorismo, o programa oferece oito mentorias individuais e 14 coletivas. Os empreendedores também têm a oportunidade de participar de eventos, fazer networking e realizar cursos gratuitos de empreendedorismo de alto nível, com um módulo focado em negócios de impacto socioambiental.

Ao final do ciclo, 20 startups serão selecionadas para participar do Bootcamp Nacional InovAtiva Brasil 2019.2 e do Demoday. Neste evento presencial, realizado de 30 de novembro a 02 de dezembro, elas participarão de capacitações e mentorias presenciais para desenvolver seu negócio. No último dia, se apresentarão para uma banca de investidores, representantes de aceleradoras e de outras instituições ligadas ao tema.

Para saber mais, acesse a página.

O que sua startup precisa para ser aprovada no InovAtiva de Impacto?

As inscrições para o InovAtiva de Impacto, programa de aceleração para negócios de impacto social e ambiental, estão abertas até o dia 27 de maio. Das inscritas, 40 empresas serão selecionadas para receber cursos gratuitos de empreendedorismo de alto nível diretamente com os melhores especialistas do país, com um módulo focado em negócios de impacto socioambiental.

Para serem escolhidas, as startups precisam:

  • Desenvolver produtos ou serviços de base tecnológica;
  • Possuir modelo de negócios inovador e/ou escalável;
  • Ter como foco o impacto social e/ou ambiental;
  • Estar constituída como empresa e possuir CNPJ;
  • Contar com clientes pagantes ou com uma base crescente de usuários;
  • Atuar em um mercado com tamanho representativo;
  • Apresentar faturamento máximo de R$ 4,8 milhões no último ano contábil;
  • Ter potencial de crescimento.

Elas também devem enviar um vídeo de até três minutos e uma apresentação do negócio em PDF. As empresas que não atenderem qualquer um desses requisitos ou enviarem links inválidos ou protegidos serão automaticamente desclassificadas.

Processo de avaliação

Os avaliadores externos (profissionais referência do ecossistema voluntários) recebem até 30 projetos para analisar com base em quatro critérios: grau de inovação, maturidade da empresa, maturidade da solução e equipe. É importante que os empreendedores tenham em mente que as startups serão avaliadas com bases nas informações que são encaminhadas na proposta. Por isso, aproveite ao máximo os conteúdos abertos de capacitação do InovAtiva para entender bem cada tema e escrever a sua proposta com mais atenção e qualidade.

Lembre-se de apresentar as vantagens significativas que o seu negócio tem em relação aos dos concorrentes, quais os desafios que seu negócio enfrenta, sua posição firmada no mercado e as estratégias utilizadas na aquisição de clientes. Assim, os avaliadores vão compreender rapidamente o real valor do seu negócio e, consequentemente, fazer uma melhor avaliação da sua startup.

Após esse processo, as instituições organizadoras do programa ficam responsáveis por verificar as avaliações feitas pelos profissionais voluntários e selecionar as empresas que participarão do próximo ciclo do programa. O InovAtiva de Impacto publica a lista final com as até 40 (quarenta) empresas selecionadas no site www.inovativabrasil.com.br, sempre em ordem alfabética, após ser homologada pelo comitê gestor do programa.

Inscreva-se para o programa InovAtiva de Impacto

O InovAtiva de Impacto, um desdobramento do InovAtiva Brasil, tem como objetivo apoiar negócios com propósito de gerar impacto social e/ou ambiental, que avaliam ou buscam as condições para mensurar seu impacto periodicamente e que têm uma lógica econômica que permite gerar algum tipo de receita própria.

A fim de capacitar os participantes nas competências necessárias para o desenvolvimento de um negócio inovador de impacto, o programa foi criado em 2016 e, desde então, acontece anualmente e tem duração de quatro meses. A cada ciclo, 40 startups selecionadas recebem acesso a conteúdo especializado e mentoria individuais e coletivas, online e presencialmente, com executivos experientes, empreendedores de sucesso e investidores.

Depois disso, metade das empresas são convidadas a apresentar seus negócios para investidores, aceleradoras privadas e executivos de grandes organizações com o intuito de se conectarem com esses players, ganharem visibilidade e reconhecimento e se integrarem com outros programas públicos e privados de fomento a startups durante o Bootcamp e Demoday InovAtiva Brasil, em São Paulo.

É importante ressaltar que, durante o ciclo de aceleração, as startups devem atingir percentuais mínimos nas avaliações periódicas, a que são submetidas no decorrer do programa. A descrição do processo de avaliação, bem como percentuais mínimos, estão no Manual do Empreendedor.

Seleção

Entre os dias 29 de abril e 27 de maio, empresas de base tecnológica ou com modelo de negócio inovador, formalmente constituídas, em fase de operação, tração ou escalonamento, com ao menos um dos sócios dedicados integralmente ao negócio e compromissadas com o desenvolvimento de produtos ou serviços que resolvem problemas sociais ou ambientais poderão se inscrever no site www.inovativabrasil.com.br.

Para concorrer a uma vaga no InovAtiva de Impacto 2019, os empreendedores interessados, de qualquer segmento da indústria, comércio ou serviços, devem preencher e enviar ao programa um formulário apresentando os aspectos gerais do negócio proposto e da equipe participante.

O processo de avaliação é realizado por uma rede qualificada de profissionais, que analisa quatro pilares: Grau de Inovação; Potencial de Mercado; Maturidade da Solução e Equipe; e Tese de Mudança. Cada dimensão possui uma pontuação que varia de um (pouco promissor) a cinco pontos (muito promissor).

A lista das escolhidas será divulgada no site do programa dia 01 de julho. Para mais informações, acesse o link!

 

inovativa@inovativabrasil.com.br